Desligamento do sinal analógico na região de Goiânia é prorrogado até 21 de junho.



Data da postagem:30/05/2017

O presidente do Gired (Grupo de Implantação do Processo de Distribuição e Digitalização de Canais de TV e RTV) e da Anatel, Juarez Quadros, informou, nesta terça-feira, dia 30 de maio, em Brasília, que o processo de desligamento dos canais da TV aberta analógica em Goiânia e em mais 28 municípios, que se inicia amanhã (31/5), será estendido até o dia 21 de junho

Dessa forma, as emissoras de TV aberta de Abadia de Goiás, Abadiânia, Alexânia, Anápolis, Aparecida de Goiânia, Aragoiânia, Bela Vista de Goiás, Bonfinópolis, Brazabrantes, Caldazinha, Campo Limpo de Goiás, Caturaí, Goianápolis, Goiânia, Goianira, Guapó, Hidrolândia, Inhumas, Itauçu, Leopoldo de Bulhões, Nerópolis, Nova Veneza, Ouro Verde de Goiás, Pirenópolis, Santa Bárbara de Goiás, Santo Antônio de Goiás, Senador Canedo, Terezópolis de Goiás e Trindade poderão, dentro deste prazo, decidir o melhor momento para o término de suas transmissões analógicas. 

Segundo Quadros, a decisão de flexibilizar o prazo foi motivada por não ter sido atingida a marca de 90% de digitalização, necessária para o término do sinal analógico, no 1,3 milhão de domicílios envolvidos. A digitalização, de acordo com pesquisa Ibope realizada durante a semana do dia 20 de maio, atingiu 88% dos domicílios. 

Uma nova pesquisa Ibope deve ser realizada no dia 14 de julho para identificar o novo nível de digitalização da região. Segundo o presidente do Gired, "a nova pesquisa certamente vai comprovar que os 90% estarão atendidos". Para Quadros, a manutenção do término das transmissões de TV aberta analógica prestigia o telespectador goiano que acreditou na TV digital e investiu para ter a recepção adequada. 


Um comentário:

  1. QUANTUM BINARY SIGNALS

    Get professional trading signals sent to your mobile phone every day.

    Follow our signals NOW & gain up to 270% a day.

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário