Globo demite apresentadora, repórteres e comentaristas esportivos; veja nomes

Reprodução



O departamento de esporte da Globo sofreu um número significativo de demissões  nesta terça-feira (17). Em um processo de reformulação previsto há algum tempo, a empresa demitiu nomes como a ex-nadadora, atual produtora e comentarista Mariana Brochado e os repórteres Pedro Mota, Marcos Carvalho e Luciana Ávila e a apresentadora Vanessa Riche.

A lista de cortes ainda tem os nomes de repórteres que frequentavam a programação esportiva dos canais da emissora como Marco Aurélio Souza, Renato Peters e Carlos Cereto.

A mudança estrutural foi liderada por Roberto Marinho Neto, o Robertinho, novo homem-forte do esporte da emissora. Após contratar uma consultoria, ele definiu que era  o momento de cortar cerca de 20% dos funcionários do departamento na Globo, SporTV e Globoesporte.com.

Mais de 20 funcionários foram demitidos, entre funcionários do site, editores, repórteres, produtores e gerentes de Globo e SporTV. As diferentes áreas serão integradas após os cortes.

Nomes antigos da casa, como César Seabra, diretor de esportes da Globo em São Paulo, e Mário Jorge Guimarães, gerente SporTV que trabalhava diretamente com o apresentador Galvão Bueno, também deixaram as organizações.

A Globo não confirma o número de demitidos nem a quantidade de profissionais que deixou a empresa. Em nota oficial, contudo, a emissora afirma que o objetivo das mudanças não é cortar pessoas, mas de “criar uma visão sinérgica”.

“Desde outubro de 2016, quando a área de Esportes passou a atuar em um novo modelo organizacional, trabalhamos intensamente para implementar uma estrutura funcional ainda mais dinâmica. O projeto como um todo não nasceu com o objetivo de cortar pessoas e sim de rever a forma de atuação das diferentes áreas que atendem ao Esporte, criando uma visão sinérgica”.


Fonte:http://www.esporteemidia.com/2017/10/globo-demite-comentarista-mariana.html

Nenhum comentário

Deixe seu comentário